Daniel De Nardi

São Paulo - São Paulo
Brazil

No reviews yet

Comecei o Yoga na adolescência, na época me interessava por pessoas talentosas acima da média e consequentemente por poderes paranormais. Lia sobre Meditação, Kundaliní e outros assuntos que acabaram me levando ao Yoga.
Vinte anos de aulas e práticas aprendi que quase tudo que travamos contato na vida (trabalho, esportes, festas, cultura) acelera - sejam os batimentos cardíacos, a respiração, os sentidos ou os pensamentos. Se fosse usar um termo mais técnico, estamos o tempo todo estimulando o nosso sistema simpático, responsável pelas ativações de defesa para lutar ou fugir.
Mas nada pode ser eternamente acelerado. Se existem aceleradores, há de existir o freio. A vida precisa de algumas paradas, sua qualidade depende disso. O Yoga é justamente o freio, a parada para que a vida não passe do ponto em que começa a perder desempenho ou sentido.

Rating

No reviews yet

Write a Review